Semana Destrua-Me - Entrevista JL Mac

10 fevereiro 2015

Entrevista JL Mac.


1) Em que você se inspirou para escrever Destrua-me?

Eu estava no trânsito, saindo do shopping, quando um outro motorista provocou um acidente bem à minha frente. Isso me fez pensar nos personagens e na história de Destrua-me.


2) Josephine é uma personagem muito inspiradora. Apesar de tudo o que aconteceu em sua vida, ela não desistiu. De onde vem essa força de Jo? E o que você mais gosta nesta personagem?

Acho que muitos dos pontos positivos da Jo são baseados em como as mulheres, em geral, gostariam de ser vistas. Eu queria que ela fosse retratada da forma que todas as mulheres gostariam de ser retratadas. Queremos ser fortes, destemidas e dispostas a fazer o que precisamos, mas ao mesmo tempo queremos ser amadas, desejadas e ser necessária à alguém tanto quanto queremos que o outro necessite de nós.


3) E Damon? Ele é uma contradição. Dominante e tão frágil ao mesmo tempo... É impossível não se apaixonar. Como foi criar um personagem com características tão extremas?

Na verdade, foi muito fácil escrever Damon. De um modo geral, acho que os homens são fortes, mas ao mesmo tempo bastante frágeis, o que os torna muito mais cativantes. Damon esconde seu lado frágil, mas uma vez que o leitor tem a oportunidade de enxergar o que está debaixo de suas camadas, é impossível não amá-lo. Eu adorei contar a sua história.


4) O que os leitores podem esperar em Destrua-me?

Os leitores podem esperar sentirem muitas emoções ao ler Destrua-me. Eu, realmente, me emocionei muito ao escrevê-lo.


5) Vamos falar um pouco sobre você? Conte-nos um pouquinho a respeito de você e seu processo de escrita.

Eu não tenho muito a contar. Sou uma dona de casa de 28 anos anos, tenho uma vida comum, com três lindos filhos e um marido incrível, o que faz com que escrever romances seja algo muito fácil para mim. Gosto de ler, cozinhar e passar tempo com a minha família. Como eu trabalho em casa, o meu processo de escrita, muitas vezes, é um pouco disperso, já que escrevo quando posso. Às vezes, eu uso meu celular para anotar algumas coisas para não esquecer. Ouço músicas para me inspirar. Assim que uma ideia para um livro surge na minha cabeça, eu rapidamente escrevo um breve resumo, para que possa construir a história a partir daí. E eu começo a escrever todos os meus livros num caderno. É bem divertido reler minhas anotações originais de cada história, além de ver nomes, locais e outros detalhes alterados antes da publicação. 



9 comentários

  1. Oi flor!
    Andei vendo alguns blogs postando o especial da semana 'Destrua-me', mas esse foi o primeiro post que eu realmente li - ou que me lembro, hehe. Não conhecia a autora (sério, em que mundo eu vivo?!) mas achei super diferente ela falar que pensou nos personagens em acidente de carro o_o E achei super legal como ela foi pensando em cada detalhe da história,

    Mil beijos :*
    Blog Procurei em Sonhos

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela entrevista. Eu não estava com muita vontade de ler Destrua-me, mas conhecer um pouco mais das inspirações da autora me fizeram repensar um pouco essa minha decisão!

    ResponderExcluir
  3. Oi Joyce, adorei a entrevista e saber mais sobre a autora e o processo de construção da história e dos personagens. Com certeza lerei esse livro em breve.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  4. Li essa entrevista quando montei o post do meu blog, mas agora que acabei de ler tenho outra visão a respeito das respostas. Não quero falar aqui muito porque ainda preciso escrever a resenha, mas já adianto que discordo de algumas coisas que a autora falou.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Acho que os fãs vão querer sequestrar esse caderninho para ver a origem das histórias criadas pela autora! rs... Como a mente é engraçada, ela vê um motorista provocando um acidente e tem a ideia para um livro... não tenho vontade de ler Destrua-me, mas de repente alguma resenha me faz mudar de ideia.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  6. Oi, Joyce!
    Ah adorei a entrevista da autora. E pelas respostas dela, já sei que vou me encantar pela historia.
    Espero em breve ter a chance de ler Destrua-me. Parece ser sensacional.

    Beijinhos
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  7. Oi Joyce. Gosto muito de ler entrevistas pois gosto de saber sobre o processo de escrita dos autores e como a história surgiu. E com a Mac as coisas foram bem inusitadas hein haha Uma situação super cotidiana e voalá, um livro!

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  8. Olá... Joyce, tudo bem??

    Eu adorei a entrevista com a autora... ela parece ser bem simpática e atenciosa... eu tenho uma imensa vontade de ler esse livro... ele entrou para a minha listinha de prioridade máxima kkkkk eu curti demais o book trailer que assisti e fiquei completamente apaixonada pela premissa de história... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Joyce!!! ^^
    Então, li a entrevista em outros blogs também e confesso que não é o tipo de livro que me desperta o interesse, mas ao mesmo tempo fiquei curiosa para conhecer Damon.
    Pode ser que com a resenhas eu fique com vontade de ler.
    Beijokas

    Lara - Magia Literária
    http://www.magialiteraria.com/

    ResponderExcluir