Dumplin - Julie Murphy

12 setembro 2017

Dumplin
Cresça e apareça. Faça e aconteça!
Dumplin' # 1
Autora Julie Murphy
Ano: 2017 / Páginas: 300
Editora: Valentina
Skoob /  

Especialmente para os fãs de John Green e Rainbow Rowell, apresentamos uma destemida heroína e sua inesquecível história sobre empoderamento feminino, bullying, relação mãe e filha, e a busca da autoaceitação. Sob um céu estrelado e ao som de Dolly Parton, questões como o primeiro beijo, a melhor amiga, a perda de alguém que amamos demais e “estou acima do peso e ninguém tem nada com isso” fazem de Dumplin’ um sucesso que mexerá com o seu coração. Para sempre. Gorda assumida, Willowdean Dickson (apelidada de Dumplin’ pela mãe, uma ex-miss) convive bem com o próprio corpo. Na companhia da melhor amiga, Ellen, uma beldade tipicamente americana, as coisas sempre deram certo... até Will arrumar um emprego numa lanchonete de fast-food. Lá, ela conhece Bo, o Garoto da Escola Particular... e ele é tudo de bom. Will não fica surpresa quando se sente atraída por Bo. Mas leva um tremendo susto quando descobre que a atração é recíproca. Ao contrário do que se imaginava – a relação com Bo aumentaria ainda mais a sua autoestima –, Will começa a duvidar de si mesma e temer a reação dos colegas da escola. É então que decide recuperar a autoconfiança fazendo a coisa mais surreal que consegue imaginar: inscreve-se no Concurso Miss Jovem Flor do Texas – junto com três amigas totalmente fora do padrão –, para mostrar ao mundo que merece pisar naquele palco tanto quanto qualquer magricela.


Dumplin como sua mãe a costuma chamar, é uma jovem fora do peso para o padrão das moda, perdeu sua tia querida há pouco tempo, fã de Dolly Parton, tem como melhor amiga Ellen magra e linda.
Elas estão sempre juntas, Ellen namora e Will ainda está a procura de alguém especial.

Nossa querida Dumplin trabalha em uma lanchonete, com a chegada de Bo como funcionário, irá surgir uma atração entre eles, ela ainda questiona como um garoto lindo como ele pode se interessar por ela, um beijo será o começo de um relacionamento que será vivenciado em segredo.

Will(Dumplin) quando está com Bo tudo é lindo, mas começa a surgir uma insegurança com tudo, a começar pela relação ser segredo chegando ao ponto dela dar um fim ao que tem com ele.
Tudo será questionado por ela, após o término Bo decide assumir o que sente por Will e a pede em namoro, muitas dúvidas surgirão, como as pessoas vão encarar uma gorda com um garoto lindo como ele.
Com todo esse questionamento, a autoestima de Will está mais abalada que nunca, inspirada em sua Tia Lucy, ela decide entrar no concurso de Miss quebrando muitos paradigmas com relação ao padrão de beleza, a inscrição irá faze-la bater de frente com sua mãe e deixar claro como se sente com relação ao seu corpo.
Ellen também vai se inscrever gerando um desentendimento entre elas, seguindo a linha de Will mais meninas irão se inscrever no concurso.

Will se torna uma inspiração para as demais meninas, sendo autêntica, o concurso as reaproxima, criando novas amizades, foi maravilhoso acompanhar como a autoestima vai ficando maior com o decorrer do concurso.

Will e sua mãe tiveram um conversa franca, deixando claro os sentimentos de cada uma.
Cenas engraçadas, durante as apresentação do concurso garantiram boas risadas.
Todas as outras meninas no mesmo padrão de Will, superaram medos, conseguiram trabalhar muito bem suas inseguranças,
No decorrer do livro, as personagens crescem e amadurecem muito, é inspirador acompanhar toda essa transformação de dentro para fora das personagens.

Amei esse livro, acompanhar o concurso a forma como Will lida com o preconceito, como sua atitude inspirou outras meninas.
O final foi perfeito, Will se superou com sua atitude repleta de segurança em saber o que quer e com quem, sem se abalar com nada.

Dumplin é uma leitura obrigatória a todos que precisam de inspiração para deixar de lados seus medos e insegurança, muito mais que deixar sua auto estima em alta, o livro te transforma em uma pessoa segura de si, que está de bem com seu corpo e sua alma.

Maravilhoso essa é a palavra que descreve esse livro, ao terminar o livro vi as fotos da autora e senti muito orgulho da Dumplin.

Com uma escrita fascinante e inspiradora, Dumplin entra para minha lista de favoritos, sabe aqueles livros que acrescentam algo em sua vida e agregam algo de bom, ele faz isso com você.
A leitura fluiu muito bem, pois acompanhamos personagens que aprendem como é bom aceitar você a sua maneira.
Os temas discutidos no livro são de suma importância, como preconceito, auto estima, coragem e dedicação.

Um livro que temos que guardar, para sempre lembramos como é bom estar de bem consigo mesmo e com a vida.

Nenhum comentário

Postar um comentário