RESENHA - EU PERDI O RUMO - GAYLE FORMAN


Eu Perdi o Rumo
Autora Gayle Forman
Ano: 2018 / Páginas: 272
Editora: Arqueiro



O novo romance de Gayle Forman, autora dos best-sellers Se Eu Ficar e Eu Estive Aqui.
Suas obras já venderam mais 9 milhões de livros pelo mundo.
Freya perdeu a voz no meio das gravações de seu álbum de estreia. Harun planeja fugir de casa para encontrar o garoto que ama. Nathaniel acaba de chegar a Nova York com uma mochila, um plano elaborado em meio ao desespero e nada a perder.
Os três se esbarram por acaso no Central Park e, ao longo de um único dia, lentamente revelam trechos do passado que não conseguiram enfrentar sozinhos. Juntos, eles começam a entender que a saída do lugar triste e escuro em que se acham pode estar no gesto de ajudar o próximo a descobrir o próprio caminho.
Contado a partir de três perspectivas diferentes, o romance inédito de Gayle Forman aborda o poder da amizade e a audácia de ser fiel a si mesmo. Eu Perdi o Rumo marca a volta de Gayle aos livros jovens, que a consagraram internacionalmente, e traz a prosa elegante que seus fãs conhecem e amam.

A vida tem dessas coisas em um dia difícil para três jovens, um parque será o cenário para um encontro e novos caminhos ...

Freya é uma jovem um sucesso entre os jovens, prestes a lançar seu álbum perde sua voz a deixando perdida, a voz simplesmente não volta e nãos abe como encarar sua mãe e todos que esperam mais dela.
Harun é um jovem família religiosa que guarda seus sentimentos e emoções de sua família e acima de tudo de si mesmo.
Nathaniel é um jovem que fez uma escolha e acabou escondido do mundo, sua inocência o faz se destacar por sua bondade e doação.

Freya fez uma escolha, Nathaniel escolheu um caminho e Harum tomou uma decisão, o que não sabiam era que o dia não teria o final escolhido por nossos protagonistas ...
Vamos conhecer um pouco de cada personagem:

Freya tem um talento nato descoberto por um dos empresários mais cobiçados da atualidade, o início de sua carreira era diferente gerenciado por sua mãe, com uma trajetória e perspectiva de um futuro diferente e não sozinha.
A perda de sua voz, a faz repensar em suas escolhas, em seus atos e em que momento deixou de ser a filhinha do papai que tanto amava ...  o abandono a marcou demais, percebemos tanta fragilidade em si e ao mesmo uma busca incessante para encontrar seu lugar no mundo ... uma de suas buscas cessa em um abraço apertado de alguém tão amado mas que se distanciou...

Harun um jovem certo de seus desejos, de suas escolhas mas sem a coragem de decidir abrir as portas e escancarar tudo aos quatro ventos ... seu coração sabe o que deseja mas o medo o impede, sendo filho de pais devotos a uma religião que vão regularmente a uma Mesquita, a incerteza de ser acolhido com todas suas escolhas o fez fugir ...

Nathaniel um jovem que percebeu em questão de tempo que seria o adulto e responsável por um adulto em questão de dias ... sua escolha foi essa, acolher, compreender e ter a ciência que seria o mais sensato e racional. Quando não mais precisava ser adulto decide realizar um sonho e talvez quem sabe se permitir ser  o adolescente que é.

Um fato vai unir nossos três protagonistas, Freya responsável pelo fato em si tomas as responsabilidades para si e cuida de tudo, interessante o que pensa cada um deles.
Freya em ajudar e sanar o dano que causou, além do fato das emoções que um simples toque e acolhimento de Nathaniel, que se impressiona com a beleza e sensação que ela lhe causou e Harun pensando em como trazer seu amor de volta através de nossa pop star.

Juntos socorrem e ajudam um ao outro da maneira que encontram, em determinado momento, a vontade de expor o que lhe apertam o peito fala mais alto, cada um expõe boa parte de sua alma ferida. seus medos, anseios e desejos.

Sem querer Nathaniel deixa um gancho para Harum tomar a coragem necessária que precisava para sua libertação, o que vai desencadear um busca incessante...

Reencontros, enfim encontrar um lugar seguro para poder começar a busca por si mesmo e ao mesmo tempo com a certeza de poder contar com amigos ...

O que dizer sobre esse livro: sentimentos, medos, emoções de cada um de nossos protagonistas em meio a descobertas, perdas e aquela incerteza que nos arrebata o coração sem saber que caminho seguir ou decisões a tomar.

A escrita da autora é carregada de sensações vivenciadas por três jovens que passam por momentos e problemas diferentes na vida de cada um , com um fator em comum, todos precisam fazer escolhas e nem sempre será fácil.
Eis o tema de Eu perdi o rumo, literalmente Freya, Harum e Nathaniel perdem seus rumos, ficam sem direção e aos se encontrarem e dividirem o peso de suas decisões ou incertezas conseguem enxergar um horizonte e aos poucos ir colocando suas vidas no lugar e acertando erros .

Com extrema sensibilidade e ao mesmo a intensidade de adolescentes Gayle Forman definitivamente me conquistou com esse enredo real e denso com a complexidade de cada personagem e situações vivenciadas.

Amei ler o desfecho e ver no horizonte um caminho de descobertas e aprendizados para cada um deles.

Com fluidez e objetividade, Gayle foca em temas bem explorados e que podem ter sido vivenciados por nós, ou alguém quem amamos. Uma linda página da vida compartilhada com os leitores ...

Postar um comentário

Olá!
Eu adorei esse enredo, a forma como a autora inseriu as três histórias dos personagens ficou incrível e ainda passa mensagens bem importantes e reflexivas sobre se ter amigos, pessoas para nos ajudar a seguir em frente.
Uma leitura que recomendo!
Beijos!

Camila de Moraes

Oiiii,

Eu já senti o coração palpitar só com a resenha! Já quero saber como ela perde a voz e como todos eles vão se ajudar e superar as coisas. Parece ser uma história realmente emocionante, daquela que fazem a gente ficar pensando muito até absorver tudo e eu já quero muito ler.

Beijinhos...
http://www.paraisoliterario.com

Oii, tudo bom?

Tenho esse livro na estante, mas até hoje não tinha sentido vontade de lê-lo. Adorei ver como os temas são trabalhados dentro da trama, acho muito importante toda essa parte de reflexão. Já estou querendo ler para ver todos eles se ajudando e superando as coisas. Vou tirar ele da estante e começar a leitura.
Obrigada pela dica, amei sua resenha!!
Beijinhos!!

Oi, Joyce.
Já li outras resenhas desse livro, mas a sua foi a primeira em que pude sentir como é o desenrolar da história. Acredito que ele tenha uma ótima mensagem, mas não sei se é o tipo de livro que me cativa. Estou um pouco cansada de histórias que exploram os dramas dos adolescentes de hoje e acho que não vou me envolver com os personagens.
Tenho o livro aqui na estante, mas não me vejo dando uma chance para ele por enquanto!
Beijos
Camis - blog Leitora Compulsiva

Oi.

Até hoje eu só li dois livros dessa autora, apesar dela ter vários livros e todos dizerem que eles são muito bons. Eu estou querendo ler esse livro, mas eu ainda não consegui. Estou esperando ter um pouco mais de tempo, ou vou esperar as férias para poder ler com mais calma.

Beijos.

Esse livro tá na minha lista de desejados, mas confesso que esperava um enredo um pouco diferente, um pouco mais centrado em apenas uma personagem... Não achei ruim a ideia central da trama,mas fiquei com receio de que para mim não funciona... Sua resenha ficou maravilhosa e eu espero de alguma forma gostar do livro...

Sou muito fã da Gayle, por isso é imperativo que eu leia este livro e estou animada porque os elogios só aumentam. espero engrossar o corto de quem gostou.
beijos

[blogger][facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget