RESENHA - STALKER - TARRYN FISHER


Stalker
Autora Tarryn Fisher
Ano: 2018 / Páginas: 256
Idioma: português
Editora: Faro Editorial



Deprimida após sofrer um aborto espontâneo, Fig Coxbury passa seu tempo em praças observando as crianças que poderiam ser a sua filha. Até que uma menininha brincando com a mãe desperta uma obsessão. Logo, Fig se vê mudando de casa e de bairro não por necessidade, mas porque a casa vizinha oferece tudo o que ela mais deseja: a filha, o marido e a vida que pertence a outra pessoa.

Stalker é um daqueles livros o qual não podemos falar muito, pois aos poucos vamos conhecendo e nos surpreendendo de maneira positiva ou não com a personalidade dos personagens.

Comecei a ler pela manhã e não consegui parar de ler, queria saber mais sobre os próximos acontecimentos, os personagens e como reagiriam as situações.

O livro é dividido em três partes, cada um dos personagens, Fig, Jolene e Darius falam um pouco de si e seus desejos.

Jolene é escritora, casada com Darius, psicólogo e mãe de uma linda menina.Teoricamente são uma família feliz.
Com a chegada da nova vizinha Fig, tudo começa a mudar.
Logo no início do livro percebemos a que ponto chega sua doença e fixação por Jolene.

A partir da chegada de Fig vamos acompanhando ela se infiltrando na casa, na vida e rotina de Jolene, conquista sua amizade e ganha sua confiança.
Todos estão alertando Jolene sobre Fig, que ela está fissurada em sua vida, imitando seus gestos, roupas e vestuário.
Jolene a princípio não acredita em nada disso, mas alguns fatos irão chamar sua atenção.

Para surpresa do leitor a autora insere um elemento que choca nessa loucura toda.

Quando Jolene enfim começa a perceber o que está acontecendo em sua vida, um novo fato vai abalar sua vida, confesso que torci muito para ela descobrir esse fato. Ela precisava abrir os olhos. Fig se aproxima mais enquanto ela está fragilizada.
Se não bastasse tudo, a maior traição vem de quem menos esperava, nesse momento ela toma uma decisão radical e dá um novo rumo a sua vida.

Quanto ao final do livro, confesso que não entendi a postura da protagonista ao se colocar novamente na mesma posição de antes.

O livro prendeu muito minha atenção, fato que li o livro em apenas um dia, esperava mais do final.

A autora leva o leitor a ter uma impressão sobre um personagem que mal apareceu no livro e no final ele aparece sem grandes explicações, nesse ponto ficou pontas soltas.

A leitura valeu a pena, recomendo a leitura pois cada leitor tem uma percepção sobre o tema, sobre as atitudes dos personagens, eu gostei da leitura apenas esperava outro final.

Não posso deixar de comentar que essa história pode ser real e me pergunto que rumo levou a história de Fig e Jolene?


Postar um comentário

[blogger][facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget