RESENHA - DRY SPELL - VI KEELAND

11 fevereiro 2019

Dry Spell
Autora Vi Keeland
Ano: 2018 / Páginas: 60
Idioma: português
Editora: Editora Charme



Para uma mulher nada como se vingar de uma maneira perfeita ....

Ava é nossa protagonista, uma advogada linda, está saindo com Evan um promotor mas até agora não aconteceu nada.
Cansada de esperar ela decide fazer uma surpresa para ele, no final a surpreendida é Ava quando se depara com uma cena inesperada.

Saindo dispersa entra no elevador da maneira que está, quando percebe alguém faz uma graça é quando se dá conta que não está sozinha. Essas cenas são hilárias regada a um humor contagiante.
Smith é um homem lindo e gentil, percebendo que Ava não está bem, ele oferece ajuda,  a levando para seu apartamento.
Ela conhece um pouco deste homem gentil,  boxeador focado em sua carreira em plena competição não há espaço para nada além de suas lutas.
Ava está com muita raiva de Evan, Smith ressalta sua beleza e suas qualidades aumentando sua auto estima.

Tudo tem a hora certa e Ava vai rever Smith de forma sexy e envolvente.

O final do conto é maravilhoso, assim como a vingança de Ava ao ver a cara de Evan com a situação.
Ou seja me senti vingada com o babaca do Evan.

Um conto com gosto de quero mais.

A escrita da Vi Keeland é viciante. esse conto com poucas páginas deixa o leitor envolvido com a situação de Ava e torce por ela e Smith.

Amei essa surpresa da Editora Charme que sempre nos presenteia com lindas histórias.

Um conto pequeno que narra uma situação que atiça nosso modo de vingança e confesso que ao terminar o livro pensei: Toma essa Evan, perdeu.

Ava com certeza se livrou de um homem fraco para ganhar noites quentes com um lindo boxeador.

O conto está de graça no site da Editora não deixe de ler.

Nenhum comentário

Postar um comentário